Notícias
comments 7

Fórum lança documento e boletim sobre biofortificação

O Fórum, junto com estudiosos, pesquisadores e ativistas da Soberania e SAN  no país, lançou  o documento de posicionamento “Biofortificação: as controvérsias e as ameaças à soberania e Segurança Alimentar e Nutricional.Colaborativo e pioneiro, o conteúdo faz parte da estratégia de divulgação e abertura para o debate público em diferentes espaços. O objetivo é dar visibilidade ao debate, reunir as discussões em curso e pesquisas que apontam para a falta de transparência ao implantar essa tecnologia agrícola no Brasil há quase 10 anos.

boletim

Ocupe a cultura alimentar

Desde 2013, o Fórum Brasileiro de Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (FBSSAN) acompanha o debate sobre a biofortificação de sementes (manipulação de plantas, destinada a aumentar o conteúdo de micronutrientes). A constatação principal é que tanto a pesquisa quanto as intervenções neste campo têm avançado sem o debate público, com negociações entre consórcios internacionais privados de pesquisas em parceria com universidades brasileiras e o Estado.

De acordo com o texto do documento, “A tecnologia para alterar artificialmente o teor de nutrientes dos alimentos é um tema que confronta o debate da nutrição com a biodiversidade, evidenciando a importância de compreender e se aproximar dos saberes tradicionais, através da construção coletiva de conhecimentos e do diálogo de saberes, com seus múltiplos sentidos, identidades e territórios”.

Entre os temas abordados, estão o significado do termo biofortificação, que numa primeira leitura, sugere uma abordagem positiva ao utilizar o prefixo bio. No entanto, o documento desvela as ambivalências da expressão, que tende a esmaecer os danos para a saúde ao aumentar a quantidade de determinado micronutriente; bem como a interferência do setor comercial sobre a pesquisa e tomada de decisões. A abordagem da agricultura aliada à nutrição é uma das pautas encampadas no documento, ao problematizar os argumentos sobre a fome oculta e insegurança alimentar. Além do documento, o FBSSAN produziu um boletim chamado Biofortificação: diálogos sobre saúde, direitos e soberania alimentar. A finalidade é se aproximar da sociedade civil, com uma síntese das informações relevantes sobre o assunto.

Conheça o documento de posicionamento “Biofortificação: as controvérsias e as ameaças à soberania e Segurança Alimentar e Nutricional

Baixe o boletim Biofortificação: diálogos sobre saúde, direitos e soberania alimentar

7 Comments

  1. Maria Geovania Manos says

    Olá!

    Parabéns pelo trabalho! Agrupa muito dos debates em torno de tema no Brasil, a partir do olhar dos atores envolvidos com a Política de SAN.

    O link para o Boletim não está funcionando.

    Grata!

  2. Pingback: Fórum lança documento e boletim sobre biofortificação – Campanha Permanente Contra os Contra os Agrotóxicos e Pela Vida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *